Núcleo de Relacionamento com o cliente - NRC: (11) 3067.2820 ou 4003.1858

Blog

Como motivar e engajar seus colaboradores em tempos de crise

Em tempos de crise, o que toda organização precisa é de união e trabalho em conjunto. É um momento de receios e incertezas, que certamente estará rondando a vida profissional e pessoal de todos os seus colaboradores.

Mas como tentar reverter estes sentimentos e promover o engajamento contínuo?

A boa notícia é que não é necessário grandes investimentos para isso, reforçar ou até implementar novos comportamentos para com os colaboradores podem ser bastante eficientes.

Se a companhia está passando por uma crise ou está sendo impactada por ela, abra o jogo com seus funcionários, é preciso ser transparente.

Converse com o seu time, procure saber sobre suas preocupações, dúvidas e esteja aberto para ouvir novas ideias. Estabeleça uma comunicação clara e assertiva pois ela será essencial para que todos tenham plena ciência da importância do seu papel e de que forma cada um poderá contribuir para superarem essa fase.

Mantenha os olhos abertos, aproveite para prestar atenção nos seus colaboradores, certamente será um momento para que eles desenvolvam e demonstrem novas habilidades, como resiliência, capacidade de improvisar, coragem, criatividade e muito comprometimento.

Quando um bom trabalho for desenvolvido, reconheça e elogie. O momento crítico deve ser uma via de mão dupla e recompensar os bons exemplos se faz extremamente necessário para que seja contínuo. Afinal, não existirá nada mais desmotivador do que um colaborador vestir a camisa e não ser reconhecido por isso, não é mesmo?

O cenário é difícil, momentos de desânimo poderão impactar na produtividade dos seus colaboradores, por isso encare de forma leve e tenha empatia, pois todos estarão de alguma forma se esforçando para cumprir as suas metas.

Tente sempre manter postura otimista e passar uma imagem de confiança, essa será a chave do sucesso. Não se trata de adotar uma atitude ingênua, mas de encarar a realidade e despertar o sentimento de virada nos funcionários. Ninguém na empresa irá se motivar se os líderes e gestores agirem com negativismo durante uma situação já difícil, o espírito de esperança é o que irá levantar a moral da sua equipe.

E por último e nem um pouco menos importante, desenvolva e incentive a sua liderança, o líder deverá exercer um papel fundamental neste cenário e fará toda a diferença na dinâmica interna da equipe e ajudará os colaboradores se sentirem valorizados. Além disso, o líder deve ser o primeiro a fazer a coisa certa dentro da empresa, desta forma, seus liderados irão se espelhar em sua postura, se esforçar para melhorar o resultado do departamento e, consequentemente do negócio.

Adotando essas estratégias, você enfrentará e vencerá a crise garantindo o bom desempenho da sua empresa.

 

Por Thalita Coradello – Analista de Recursos Humanos na Voitel

Compartilhe: